Printed From:

Seja musculação em casa ou na academia, correr uma maratona ou jogar futebol com os amigos: qualquer prática de exercício para alguém que está sem condicionamento físico pode gerar dor no corpo.1 preparo se refere tanto à consistência das atividades na rotina, como aos hábitos a serem adotados antes e depois de se movimentar.2 3 Continue lendo para saber como evitar a dor muscular!

Entenda a relação da dor muscular com preparo físico

O desconforto que pode ser sentido após uma atividade física é chamado de dor muscular tardia. E um dos fatores que desencadeia a dor no corpo depois da prática é não estar acostumado com o padrão de movimentos feito durante o exercício. É por isso que pessoas sedentárias e sem preparo físico costumam sentir mais dificuldade em começar a se exercitar. Ter constância na prática de atividades físicas aumenta a resistência da fibra muscular ao dano, o que diminui as chances de sentir dor no corpo.1

Os sintomas da dor no corpo são rigidez, sensibilidade ao toque e dificuldade de gerar força. No entanto, é importante destacar que a dor muscular tardia não se manifesta imediatamente após a atividade física: o incômodo demora cerca de oito horas para surgir e aumenta progressivamente entre as 24 e 72 horas posteriores, até sumir totalmente nos cinco a sete dias seguintes.1

Ao relacionar a dor muscular com preparo físico, é importante ressaltar que o principal vilão é a intensidade abrupta. Ou seja, é preferível que o exercício seja mais longo e moderado do que de alto impacto.1

Alongamento ajuda a aliviar a dor no corpo

Criar o hábito de se alongar ajuda a aliviar a dor no corpo e a evitar lesões, pois torna os músculos mais flexíveis, fortes e saudáveis. Garantir a flexibilidade é essencial para manter uma boa amplitude de movimento nas articulações. Músculos encurtados, tensos e fracos têm mais dificuldade de se estender e se movimentar devidamente.3

''O principal objetivo do alongamento é recuperar ou restabelecer a amplitude de movimento funcional das articulações e a mobilidade dos tecidos moles que cercam uma articulação, prevenir contraturas, aumentar a flexibilidade geral de uma parte do corpo antes de exercícios rigorosos de fortalecimento e evitar ou minimizar o risco de lesões musculotendíneas relacionadas a atividades físicas e esportes específicos'', explica o ortopedista Paulo Kanaji.

O alongamento deve ser feito antes e depois da prática de exercícios físicos. Antes, para aquecer os músculos e, depois, para promover o relaxamento e o alívio nas tensões. Também é interessante combinar a rotina de alongamento com uma boa postura e exercícios de respiração.3

O especialista detalha como deve ser feito alongamento: ''Foque nos grupos musculares grandes e relacionados à atividade física que você pratica, como coxas e pernas para quem faz corrida. Mova o membro lentamente pela amplitude livre até o ponto de restrição, segure proximal e distalmente à articulação onde ocorre o movimento. Aplique a força do alongamento de forma leve, lenta e mantida, mova a articulação até o ponto de retração e depois alongue um pouco mais. Mantenha a posição alongada por pelo menos 20 a 30 segundos e libere gradualmente. Evite dor articular ao fazer o alongamento''.

Período de recuperação após o exercício também é importante

Recuperar o corpo adequadamente após a prática de exercícios auxilia no condicionamento físico. Do lado oposto, desrespeitar o tempo necessário entre os estímulos pode causar lesões e dor muscular. Além do alongamento, existem outros métodos usados para evitar e aliviar a dor no corpo que aparece após movimentos intensos, como massagem e aplicação de gelo no local da dor.2.

Caso a dor muscular surja, algumas medidas podem ser feitas para combatê-la: ''Pode ser aplicado gelo no local, preferencialmente após o treino. Alimente-se adequadamente, evitando consumo muscular. Massagens, banho quente e uso de medicações à base de anti-inflamatórios tópicos podem ajudar. No caso de dores persistentes, procure um profissional para avaliação'', indicou o ortopedista.

Dorflex Uno Comprimido

Indicação: Enxaqueca

Potente contra a enxaqueca*1,3,4

Dorflex Uno Efervescente

Indicação: Enxaqueca
Dorflex UNO

Potente contra a enxaqueca*1,3,4

Ficou com alguma dúvida ainda?