Você já sentiu uma dor de cabeça incômoda e não sabia exatamente o motivo por trás dela? Bem, a resposta pode ser mais simples do que você imagina: desidratação! Acredite ou não, a falta de água no organismo pode causar dores de cabeça intensas, que atrapalham (e muito) nosso dia a dia1.

Pensando nisso, vamos explorar neste artigo tudo sobre a dor de cabeça por desidratação. Além de conhecer as características desse quadro, você vai saber como evitar a desidratação, com dicas de como beber mais água e se hidratar no calor!

Importância da água no organismo

Você sabia que cerca de 60% a 70% do corpo humano é composto por água2? Pois ela está presente em todos os nossos órgãos, no sangue e até mesmo nos ossos3. Mas não para por aí: a água também participa de uma variedade de processos químicos e metabólicos, que são essenciais para o bom funcionamento do organismo2,3.

Por ser tão crucial para nossa sobrevivência, a água precisa ser mantida em uma quantidade ideal no nosso corpo. E isso acontece por meio da ingestão diária de líquidos e alimentos de todo tipo. Só que, em muitas atividades importantes do nosso organismo, parte dessa água acaba sendo eliminada (por exemplo, no suor, na urina, nas fezes e até mesmo na respiração)4.

Então, para restabelecer o nível adequado de hidratação no organismo, é preciso repor essa água perdida constantemente. Porém, quando essa reposição não é suficiente, há um desequilíbrio e a percentagem de água no organismo fica abaixo do normal. Pode, então, ocorrer um quadro de desidratação4.

É nessas horas que o corpo começa a manifestar vários sintomas que denunciam a falta de água no organismo4, incluindo a dor de cabeça1!

Se você tem o costume de passar horas a fio em frente ao videogame ou computador jogando eSports ou é daqueles que curte entrar em campo para uma partida de futebol com os amigos, talvez já tenha se distraído por tempo demais e esquecido de se hidratar. Aí a dor apareceu1 e o desempenho despencou. Acertamos? Então está na hora de revermos esse mau hábito!

Mas por que a falta de água causa dor de cabeça?

Os cientistas ainda não têm uma resposta definitiva que explique o mecanismo da dor de cabeça por desidratação. Porém, acredita-se que ela seja um quadro multifatorial, que varia de indivíduo para indivíduo5. Tanto é que existem pessoas mais propensas a terem esse tipo de dor de cabeça do que outras1.

Uma hipótese sugere que a desidratação leva a um desequilíbrio na pressão dentro dos vasos sanguíneos que passam pelo cérebro, causando uma tração nas meninges (membranas que envolvem o cérebro) - o que, por sua vez, pode estimular os receptores nervosos de dor nessa região. Daí viria a sensação de dor de cabeça causada pela falta de água1,5.

E como é a dor de cabeça por desidratação?

A dor de cabeça pela falta de água no organismo pode variar. Há quem sinta uma dor em toda a cabeça, mas o incômodo também pode ser mais localizado, seja na parte da frente ou na parte de trás da cabeça1,3. Já a dor percebida em apenas um lado é menos frequente1.

Algumas pessoas podem senti-la como uma dor latejante, enquanto outras descrevem-na como uma dor constante3. E apesar de variar em intensidade, sendo de leve a intensa, a dor de cabeça por desidratação tende a piorar quando você inclina a cabeça para frente ou faz outros movimentos do tipo. Até mesmo caminhar pode tornar sua dor de cabeça mais forte1,3.

Leia também: Características, causas e tratamento da dor de cabeça tensional

Atenção aos sinais de desidratação

Além dessas particularidades, o quadro ainda pode vir acompanhado de outros sintomas que têm relação direta com a desidratação4. Já sabemos que a falta de água causa dor de cabeça, mas ela também pode provocar:

  • sede4;
  • fraqueza4;
  • tontura4;
  • fadiga4;
  • sonolência4;
  • sensação de boca seca4;
  • diminuição da diurese (menos xixi)4;
  • moleza4;
  • batimentos cardíacos acelerados4;
  • falta de elasticidade da pele4.

Casos mais graves de desidratação ainda podem provocar sede intensa, anúria (ausência de urina), respiração rápida, alteração do estado mental e pele fria e úmida. Isso pode ocorrer quando a pessoa é acometida por vômitos, diarreias, febres, grandes queimaduras e excesso de urina ou suor, que levam à perda excessiva de líquidos4.

Se ficar com dúvidas, procure um médico para entender melhor o caso e seguir com a conduta adequada.

Outros problemas relacionados à desidratação

É preciso ter em mente que a falta de água em nosso organismo não causa apenas dor de cabeça e outros sintomas incômodos listados até aqui. Na verdade, se não for devidamente controlada, a desidratação pode levar a alguns problemas de saúde importantes4,6.

Entre as complicações associadas ao baixo consumo de líquidos, podemos citar:

  • diminuição do desempenho físico e cognitivo4;
  • alterações no funcionamento termorregulador e cardiovascular4;
  • distúrbios ligados ao calor, como cãibras, exaustão física e insolação (que podem afetar pessoas que se exercitam vigorosamente sem hidratação adequada)6;
  • problemas urinários e renais, como infecções do trato urinário, pedra nos rins e falência renal6;
  • convulsões6;
  • choque hipovolêmico, uma diminuição drástica do volume sanguíneo (complicação mais grave da desidratação)6.

Diante disso tudo, vale reforçar aqui que beber água e manter a hidratação em dia é essencial para nossa saúde. Para te ajudar nessa missão, vamos conhecer agora algumas maneiras de estar sempre bem hidratado, passando longe da dor de cabeça por desidratação e outros problemas. Curtiu? Então continue a leitura!

Como melhorar a dor de cabeça por desidratação?

Detalhe de mulher abrindo garrafa de água no escritório

Voltando ao assunto principal deste artigo… Sabia que até uma desidratação leve pode dar dor de cabeça? Nesse caso, quando você bebe água e outros fluidos a dor logo vai embora3.

E aqui vai uma dica extra: tome pequenos goles de água de tempos em tempos (não custa nada fazer uma breve pausa na partida do seu jogo – seja ele online ou offline!) em vez de beber grandes quantidades de uma só vez para evitar um desconforto no estômago. Se você estiver com dor de estômago, experimente chupar cubos de gelo3 - isso também pode te ajudar a se hidratar no calor!

Além disso, experimente as seguintes orientações:

  • Descanse: faça uma pausa na atividade física, especialmente em ambientes muito quentes. Encontre um lugar fresco e sombreado para relaxar, dando ao seu corpo o tempo necessário para descansar3.
  • Faça compressas: aplique uma compressa fria na cabeça ou use uma toalha úmida e fria na testa para aliviar a dor de cabeça por desidratação3.

Se a dor de cabeça persistir, mesmo após a ingestão de água e período de descanso, é aconselhável buscar a orientação de um médico para uma avaliação mais profunda3. Como já mencionamos, desidratação é algo sério! O melhor é não ignorar os sinais de alerta.

Dicas para evitar a desidratação

Junto com essas ações, tenha em mente que prevenir a desidratação é a melhor forma de passar longe desse desconforto e também da enxaqueca1,5.

Sim, é isso mesmo que você leu! Pessoas que sofrem com enxaqueca ou qualquer outro tipo de dor de cabeça podem ter crises prolongadas se não estiverem adequadamente hidratadas1. Veja aqui como evitar enxaqueca!

Por isso, confira algumas dicas de como evitar a desidratação.

  • Tome bastante água, principalmente no período do calor e caso você faça atividades físicas intensas, com muita transpiração4.
  • Evite o calor excessivo e a exposição excessiva ao Sol, na medida do possível4.
  • Aposte em garrafas de água tanto dentro quanto fora de casa. Além de servir como lembrete para beber água, carregar uma garrafinha facilita o abastecimento em filtros e bebedouros7.
  • Experimente águas aromatizadas caso tenha dificuldade em beber água pura. Elas ajudam a aprimorar o líquido com alguns sabores naturais, como limão, abacaxi, canela, gengibre e hortelã7.
  • Consuma mais frutas e verduras, já que a maioria dos alimentos naturais é rica em água e podem ajudar a manter a hidratação em dia7.
  • Use a tecnologia como aliada para não esquecer de beber água ao longo do dia. Existem aplicativos de celular que emitem alertas sonoros ou lembretes7.
  • Hidrate-se antes mesmo de sentir sede, isso porque se você esperar até sentir vontade de beber água, já estará um pouco desidratado3.

E como sempre reforçamos: consulte um médico em caso de dúvidas, incômodos persistentes e sinais de desidratação. Cuide da sua saúde e também não ignore as dores de cabeça, viu?

Novembro/2023. MAT-BR-2400773.

Dorflex Uno Comprimido
Indicação: Enxaqueca
Dorflex UNO 10 comprimidos

Potente contra a enxaqueca*1,3,4

{{card.tag}}

{{card.title}}

{{card.description}}

Ficou com alguma dúvida ainda?